8. Utilização Prática do Sistema Binário PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Avaliação: / 12
FracoBom 
Escrito por António Costa   
Quarta, 28 Janeiro 2015 17:21

A utilização do sistema binário nos Computadores ou outros sistemas informáticos, de uma maneira geral, é uma constante.

A razão prende-se pela simplicidade da sua representação, pelo facto de só ter 2 símbolos que representam Zero e Um (0 e 1 respectivamente).

Estes podem também representar Falso e Verdadeiro, respectivamente, ou inactivo e Activo, ou ainda Não Magnetizado e Magnetizado.

 

 

Por outro lado, torna os processadores mais rápidos em operações aritméticas, pois só tem de conhecer 2 símbolos e operar sobre estes.

Existe também as operações lógicas que são muito mais simples de realizar sobre 0 e 1, pelo facto, descrito acima, de podermos atribuir valor de verdade sobre os mesmos. Neste caso (e não vou alongar muito a explicação por não se enquadrar no âmbito da sebenta) é necessário criar uma máscara e sobre essa máscara podermos colocar um número binário, para obtermos a operação lógica.

Nos computadores aos algarismos, criados no sistema Binário chamam-se Bit. O conjunto de 8 Bits chamamos Bytes.

 

Um facto curioso é o chamado KiloByte, MegaByte, etc. Geralmente medimos o espaço ocupado dos nossos ficheiros em Bytes. Mas ao contrário de outras unidades de Medida, um Kilo em Binário não são 1000 (Kilograma = 1000 grama, Kilometro = 1000 Metro, ETC).

Várias pessoas perguntam o porquê. E já vi respostas interessantes: Foi um erro inicial, e agora é complexo alterar.

 

Não. A razão pela qual isso acontece, deve-se ao facto (tal como descrevi no artigo Sistema Binário) de cada bit, da direita para a esquerda, representar uma potência de 2.

Um Kilo em Binário representa 2^10 e, com auxílio de uma calculadora facilmente se verifica que é 1024. Sendo o mais próximo de 1000 resolveu-se utilizar esse número (Em Binário é 100000000).

Podia-se utilizar o 1000, mas isso iria dificultar as contas internas do computador, pois 1000 não é potência de 2, e utilizando potências de 2, tal como vimos no artigo Sistema Binário, torna as coisas muito mais simples.

É interessante o que se consegue armazenar num pequeno cartão de memória. Por exemplo, em 8 GB (oito GigaBytes) é possível armazenar 8 * 1024 MB (MegaBytes), ou seja, 8 * 1024 * 1024 KB (Kilobytes), ou ainda 8 * 1024 * 1024 * 1024 Bytes que representam 8 * 1024 * 1024 * 1024 * 8 Bits (0 e 1). Fazendo as contas...88 029 649 698 816 bits.

É também interessante saber a razão pela qual estes cartões ou Pens têm sempre tamanhos de 1 GB, 2 GB, 4 GB, 8 GB, 16GB... Isso mesmo, são as Potências de 2 :)

Esta última lição é mais sobre a utilização e curiosidades do sistema binário ligado à informática, e uma tentativa de motivar estudos mais aprofundados dos sistemas de numeração.

Actualizado em Quarta, 28 Janeiro 2015 17:28
 

Comentar


Código de segurança
Actualizar

Veja no facebook